segunda-feira, 21 de julho de 2008

PAROLE

A raça do ser humano vê-se na simplicidade dos gestos, na beleza do sorriso roubado e inocente da verdade, no momento angustiante da dor do engano e da traição.
É perante a força da angústia do final, quando perante mais um adversário a recusa da derrota é mais forte que a realidade espelhada nas caras em redor, é nesse momento de grande garra, e perseverança que surge o triunfo, a gloria e o ser mais e melhor, o saber que nunca se baixou os braços e que mesmo perante as supostas evidencias se mudou o destino através da luta, que mais não é que o mostrar do trabalho e esforço diário.
Assim se fabricam nações, raças, crenças, mas sobretudo assim se destacam os verdadeiros seres grandiosos.

2 comentários:

Anónimo disse...

" Assim se destacam os seres grandiosos." para mim és um deles. Beijo J.

joão disse...

tocas-te cá no fundo menina princesa