quarta-feira, 6 de agosto de 2008

Foi à 18 meses que o meu Rodrigo partiu. Fazes-me falta amigo, muita falta

Fazes-me falta meu amigo.
Estou no alfa, venho do Porto, onde tenho estado com o R. (sim o outro R. que não és tu...), porque como sempre dissemos os amigos quando são precisos têm de estar presentes e como tu sabes pelos amigos faz-se de um tudo, por isso quando o R. me pediu só podia aceder.
No Porto revi coisas que contigo tinha vivido, (voltei ao restaurante da Foz e voltei a cair na “soupa de penca”!!!!).
Estes tempos não têm sido fáceis, nada mesmo, o meu afastamento do Zico, o fim de algo que me estava a fazer feliz.
Mas tudo tem o seu destino e acredito que o meu se encarregará de me fazer feliz um dia, mas não vou deixar de lutar, nem baixar os braços, pois contigo aprendi uma coisa: LUTAR LUTAR LUTAR.
Sabes quando estou com o R. dou comigo a rir, como só ria contigo e com a Sara, é verdade, posso não o conhecer há muito tempo (é verdade é verdade!) mas há qualquer coisa nele que me recorda de ti, (e olha que não é a exuberância, pois ele até é um “cadito” assim pó tímido!!!), mas há algo nos olhos dele que só via nos teus.
Ontem disse-lhe isso e as lágrimas correram-me pelas faces (sabes que sou de lágrima fácil, e de gargalhada tb, e que tenho o coração na boca não sabes?), pois vi uma coisa apesar de ninguém poder ser substituído por ninguém ele ocupa um lugar importante para mim (só de me lembrar do que fez por mim em Madrid... e como sabes não precisava nem era a sua função, mas fez, e não pediu nada!)
Faz hoje 18 meses que partiste (já foi á 18 meses e ainda sinto tanto aquele momento em que a Sara me ligou...).

Ai Rodrigo tenho SAUDADES TUAS.

BEIJOS MEU AMIGO,
BEIJOS MEU AMOR DA VIDA,
BEIJOS MEU ANJO DA GUARDA.
BEIJOS

9 comentários:

Ju disse...

Quem era o Rodrigo, Mimi?
Eu tb sou assim, choro fácilmente, rio muito, e acho sempre que não morro engasgada, sai td o que penso cá para fora.
E lido muito mal com as minhas perdas...morro de saudades de quem já partiu e sofro imenso com isso.
B.Ju

MIMI disse...

Ju
o Rodrigo foi durante 23 anos mais que o meu melhor amigo
Foi um irmão que não sendo de sangue era como ele dizia de coração
Conheci o Rodrigo na escola Primária e até ao dia da sua morte nunca passou sequer um dia em que não falasse com ele (se não dava pessoalmente tinhamos sempre o telefone e mais tarde o telemóvel)
o rodrigo durante toda a escola primária viveu em minha casa porque os pais dele se divorciaram quando ele tinha 2 anos e o pai quando ele entrou para a escola foi tb estudar á noite... (o resto imagina não imagina...)
O rodrigo era o meu companheiro de aventuras, de concertos dos Xutos, de escola de ferias de futebol de praia.
acho que nunca vou superar a sua morte pois foi tão permatura e parva que ainda hoje 18 meses depois me custa acreditar (emboara o realize não consigo esquecer).
e a saudade fica
dele só tenho coisas boas. até aparece mentira mas nós nunca discutimos uma vez sequer, como os nossos amigos diziam UM MATA O OUTRO JÁ ESTÁ A ESFOLAR...
o Rodrigo inha uma tatuagem no pulso direito que dizia assim: "a familia aparece-nos os amigos escolhem-se"
e hoje sei que isso é verdade

ele chamava-me MIMI MANIGA (MANA AMIGA)!

um dia falarei mais dele...

BEIJO

Anónimo disse...

tb tenho saudades desse gajito

beijo amiga

estou aqui para ti como tu estives-te para mim.

BJUFA Ò CABRA
X.

joão disse...

e já passaram 18 meses..

ele vai sempre fazer falta


beijo menina princesa

Anónimo disse...

bebé não fiques triste

não o conheci, mas pelo que ouço o joão falar e como vejo os teus olhos brilharem quando falas dele tenho a certeza que era um tipo 5 estrelas.


um grande BEJO BEIJO
R.

Kanuka disse...

"a verdadeira amizade ultrapassa a distância que a morte nos impõe"
Li isto num livro e nunca mais me esqueci


beijnho meu e dos manos

Ju disse...

Mimi
Eu perdi o meu sobrinho há 4 anos, não passa um dia que não chore de saudades dele.
Era o meu amigo de andar de moto, padrinho da minha filha mais velha, companheirão como ninguém...
Fiquei muito mal com a partida dele, a minha sogra falava comigo imenso e eu fui fixando uma frase que ela dizia, " Se Deus o chamou, é porque ele já cumpriu o papel dele aqui..."
Eu sou católica, mas aquilo custava-me a encaixar, passados 4 meses morreu o melhor amigo dele, ao experimentar o motor de uma avioneta caíu no Tejo, perto da Azambuja... e passado 1 ano morreu uma grande amiga, estranhamente, comecei a ficar em paz, sinto que ele está bem acompanhado, mas a saudade... essa dói demais.
B.Ju

MIMI disse...

é verdade Ju a saudade é o que mais custa é o que me custa mais

e tb passados 10 meses da morte do Rodrigo a minha melhor ( e tb dele) amiga suicoidou-se em NY

e tb por ela sinto saudades....

Há anos assim

quando me disseram que a Sara tinha morrido um dos meus pensamentos foi este: bem agora é que a festa dos anjos vai começar pois estão os dois seres mais ramboieiros juntos e escri mtas cartas (pura terapia) onde abacabava sempre assim: meus queridos ramboiem bué e partam tudo aí pelo coro dos anjos...

sei que mta gente me criticou por ter verbalizado este pensamento mas sei que se eles aqui estivessem era o que pensariam tb

mas a saudade essa fica e um dia ficará menor mas não passará
e custa-me mto voltar a sitios onde vivi aventuras incriveis principalmente com o rodrigo e estar lá a rir sem ele

doi tanto que uma grande amigo meu me dizia MIMI tens de continuar e lembrar-te que ele fisicamente não está cá mas está no teu coração e enquanto nós nos lembrar-mos deles eles não morream pelo menos não para nós e o mesmo lhe digo a si ju
enquanto se lembrar deles eles estarm vivos pelo menos em si.

beijo

Anónimo disse...

Por falar em anjo da guarda.. tens algo para ler no meu diário mimi..

Bjo grd e se forte como tu so sabes, e eu ja vi!!!

Beijo J.